Confira a programação do Museu Afro Brasil para os 462 anos da cidade de São Paulo


museu-afro-brasil-comemora-os-462-anos-da-cidade-de-sao-paulo-com-ampla-programacao-cultural

Em comemoração ao Aniversário da cidade de São Paulo, o Museu Afro Brasil, oferece uma programação especial no dia 23 de janeiro de 2016 (sábado), às 11h, com entrada gratuita. O evento reúne a abertura de exposições de dois artistas paulistanos, o lançamento de uma publicação sobre os 100 anos de feiras livres em São Paulo e a realização de atividades educativas.

A exposição “Louça Fina. A arte de Fernando Ribeiro” conta com 80 trabalhos inéditos – pinturas e colagens – compondo uma série na qual o artista plástico se apropria de ícones da pintura nacional e internacional, recriando e fazendo alusões à História das artes plásticas brasileira e mundial. Ao utilizar suportes diferentes da pintura tradicional, Fernando Ribeiro busca tanto questionar o suporte da obra como também, a partir da apropriação de objetos de terceiros, estabelecer um diálogo com o espectador sobre questões variadas, desde o consumismo até o valor da obra de arte como memória e parte da história. Simples pratos de papelão, de fácil acesso a qualquer um, se transformam, a partir da intervenção do artista, em sofisticadas e divertidas obras de arte.

Já a exposição “Cúmulo” traz 20 esculturas inéditas do artista plástico Caíto, inspiradas na palavra que dá o título à mostra. Nelas há o excesso de coisas que se sobrepõem umas às outras; muitos objetos que se encontram amontoados, acúmulo e situação de incidência máxima.

A publicação “100 anos de feiras livres na cidade de São Paulo”, edição da Via Impressa Edições de Arte, dos autores Antônio Hélio Junqueira e Marcia da Silva Peetz, será lançada no Museu e resgata a memória dos primeiros 100 anos de existência formal das feiras livres na cidade de São Paulo – comemorados em 2014 – contemplando sua evolução histórica e lançando um olhar sobre o futuro destes equipamentos paulistanos de abastecimento.

Neste percurso, o engenheiro agrônomo Hélio Junqueira e a economista Marcia Peetz, mergulharam nas origens medievais dos mercados e das feiras populares europeias e, a partir daí, traçaram sua evolução e desdobramentos socioeconômicos e culturais desde que chegaram ao Brasil, trazidas pelos portugueses colonizadores. Dos mascates e quitandeiras, até os dias atuais, os comerciantes varejistas ambulantes são mostrados em toda a riqueza de sua inserção urbana, quase sempre conflituosa e sujeita a perseguições e interdições públicas e de enfrentamentos policiais e políticos.

Neste dia, além das 2 novas exposições, o público poderá apreciar outras exposições temporárias em cartaz e visitar o rico acervo do Museu Afro Brasil.

Às 14h acontece a ação educativa para o público infantil “Kotambola ya bana”, que em lingala (um dos idiomas falados na República Democrática do Congo, juntamente com o kikongo e o francês, que é a língua oficial do país) quer dizer “Caminhada das Crianças”.

Nesta atividade, as crianças conhecerão as temáticas do Museu Afro Brasil, discutidas de forma lúdica, mobilizando experiências corpóreas, sonoras e táteis, durante uma visita à exposição de longa duração, com mediação articulada a brincadeiras e cantigas, convidando os visitantes a refletir sobre os temas abordados através da exploração de palavras e contação de histórias em lingala, kikongo e português, recursos visuais, movimentos corporais e músicas africanas, especialmente as congolesas.

Serviço:
11h – Abertura das exposições:
“Louça Fina. A arte de Fernando Ribeiro”
Abertura: 23 de janeiro de 2016.
Encerramento: 20 de março de 2016.

“Cúmulo”
Abertura: 23 de janeiro de 2016.
Encerramento: 20 de março de 2016.

11h às 16h – Lançamento do livro “100 anos de feiras livres na cidade de São
Paulo”

14h00 – Ação Educativa: Kotambola ya bana
Inscrições: eventos.educacao@museuafrobrasil.org.br

Museu Afro Brasil
Av. Pedro Álvares Cabral, s/n
Parque Ibirapuera – Portão 10 (acesso pelo portão 3)
São Paulo / SP – 04094 050
Fone: 55 11 3320-8900
www.museuafrobrasil.org.br
Horário de funcionamento: de terça-feira a domingo, das 10h às 17h, com permanência até as 18hs.
Ingressos: R$ 6 – Entrada gratuita aos sábados.


clickfato

clickfato

Site de noticias em geral, sobre o cotidiano, voltado para noticias de cultura, entretenimento, música, politica, aviação e tecnologia. Informações inspiradoras, positivas e engraçadas também tem espaço. ► Entre em contato e envie o seu material: clickfato@gmail.com

Sobre o autor

clickfato

Site de noticias em geral, sobre o cotidiano, voltado para noticias de cultura, entretenimento, música, politica, aviação e tecnologia. Informações inspiradoras, positivas e engraçadas também tem espaço. ► Entre em contato e envie o seu material: clickfato@gmail.com